Arquivos Filmes | Página 2 de 58 | Cinematecando

Filmes Category

Posted On maio 23, 2019By Diego OlivaresIn Críticas - Lançamentos, Filmes

Crítica: Aladdin

Fantasia colorida Apesar de ser uma versão com atores da animação clássica lançada em 1992, Aladdin nunca tenta soar realista. Esta escolha no tom é o grande acerto do filme, que investe na fantasia para justificar seu colorido de carnaval Bollywoodiano propositadamente exagerado e a presença de um gênio gigante azul, interpretado com carisma de sobra por Will Smith. Smith, ainda em formato humano, é o primeiro personagem que aparece na tela, assumindo a postura de narrador – uma das poucas mudanças em relação à estrutura do original – eRead More
Um mal sem raízes Brightburn – Filho das Trevas tenta unir dois dos gêneros mais populares da Hollywood atual: o terror e os filmes de super-heróis. A premissa é imaginar uma realidade na qual um bebê vindo de outro planeta aterrisa numa cidade do interior e é adotado por uma família humana (referência direta à origem de Superman), mas, em vez de se tornar um guardião da humanidade, se revela um vilão impiedoso. A mitologia do longa para por aí. O roteiro escrito por Brian Gunn e Mark Gunn (respectivamenteRead More
Semana passada, ao escrever, para o UOL, uma reportagem sobre o fenômeno Vingadores: Ultimato, ouvi de um professor de cinema que a hegemonia dos filmes de super-heróis fatalmente levaria os realizadores brasileiros a uma encruzilhada. De duas, uma. Ou haveria uma tentativa de copiar o modelo de sucesso nas bilheterias, levando à produção de uma espécie de pastiche do cinema americano, ou os cineastas nacionais dobrariam a aposta na resistência, como fizeram os idealizadores do cinema novo. Com o celular na mão e uma encruzilhada na cabeça, repassei a questãoRead More

Posted On maio 10, 2019By Diego OlivaresIn Críticas - Lançamentos, Filmes

Crítica: Cemitério Maldito

Trash em roupagem comportada Transformado em hit dos Ramones e considerado uma das referências do chamado “cinema trash”, Cemitério Maldito é daqueles clássicos do escritor Stephen King que ganharam seu lugar no panteão da cultura pop. A história sobre o solo (nada sagrado) capaz de ressuscitar pessoas e animais é um convite não apenas para aplicar sustos na plateia, mas também para discutir questões de vida e morte. A dupla Kevin Kölsch e Dennis Widmyer, diretores do remake, sabe disso e procura equilibrar todos esses elementos numa obra que lidaRead More
Para crianças e quem quiser se sentir como uma Uma cidade onde seres humanos e criaturas pokémon convivem realmente, e não apenas via aplicativo de celular, é o cenário de Pokémon – Detetive Pikachu, filme que traz pela primeira vez as criaturas em computação gráfica e interagindo com atores de carne e osso. O longa dirigido por Rob Letterman (de Goosebumps – Monstros e Arrepios) mira na nostalgia de um público que conheceu o desenho animado no final dos anos 90 e oferece uma volta à infância, sem se interessarRead More
Vingadores: Ultimato já é um marco histórico do cinema deste século XXI. Não falo isso pelos recordes de bilheteria que acumula desde sua estreia, e nem apenas pelo fato de ser a conclusão de um ciclo iniciado pela Marvel onze anos antes, quando o primeiro Homem de Ferro apresentou ao mundo a ideia de um universo interconectado por múltiplas aparições de personagens, easter eggs e cenas pós-créditos. Mais do que o filme em si, é interessante a reflexão sobre o que essa superprodução significa como o auge de uma culturaRead More
entardecer critica

Posted On abril 29, 2019By Diego OlivaresIn Críticas - Lançamentos, Filmes

Crítica: Entardecer

Coisas belas e sujas Depois de ganhar o Oscar de filme estrangeiro logo com o longa de estreia, O Filho de Saul, o cineasta húngaro László Nemes volta a tocar em questões familiares em Entardecer, seu segundo filme. Se antes a trama se passava num campo de concentração durante a 2ª Guerra, aqui Nemes volta um pouco mais no tempo, para a Budapeste do começo do século XX. É na capital vibrante do então chamado Império Austro-Húngaro que acompanhamos o périplo de Írisz Leiter (Juli Jakab), jovem afastada da cidadeRead More
Sobre ciclos e perspectivas Chuva é Cantoria na Aldeia dos Mortos é um filme complexo sob diversos aspectos. A obra, codirigida por João Salaviza e Renée Nader Messora, é uma ficção, mas tem elementos estéticos e narrativos de um documentário. Ao mesmo tempo, traz uma série de questionamentos relativos ao modo de produção indígena e ao estilo de vida comum a centros urbanos – um exemplo é quão equivocados estamos por julgarmos que somos intelectual e socialmente superiores a povos indígenas. Na trama, Ihjãc (Henrique Ihjãc Krahô), jovem índio doRead More
No livro O Mal-Estar na Civilização, Freud escreve que uma das exigências ideais da sociedade civilizada é a que determina amar ao próximo como a ti mesmo – uma ordem, segundo ele, mais antiga do que o cristianismo. De lá para cá, muitas das perturbações psíquicas dos indivíduos ao longo da história resultam do descumprimento certo de uma norma inalcançável. “Como levar isso ao cabo?”, questiona o autor. Em O Mau Exemplo de Cameron Post, filme vencedor do Grande Prêmio do Júri no Festival de Sundance 2018 e que agoraRead More

Posted On abril 16, 2019By Diego OlivaresIn Críticas - Lançamentos, Filmes

Crítica: A Maldição da Chorona

Lágrimas no escuro À essa altura parece impossível que a Warner lance um filme de terror sem que este esteja minimamente ligado à franquia Invocação do Mal. Não importa se a referência seja importante para a trama ou irrelevante, vale tudo para tentar criar um sentido maior a uma produção que, no caso A Maldição da Chorona, no fundo só quer ser uma boa história de terror – como se este objetivo já não fosse mais suficiente. Então coloca-se como personagem secundário, em não mais que duas cenas, o mesmoRead More