Franquias de animação, se prolongadas por vários filmes, correm o risco de sair do radar do público que se apaixonou no início. Infelizmente é o que houve com Shrek e Era do Gelo, franquias que se tornaram ainda mais infantis e que perderam o público jovem/adulto que conquistaram antes. Felizmente, a franquia de Meu Malvado Favorito não se encontra nessa área – pelo menos, não ainda – e seu terceiro capítulo consegue tirar boas risadas do público jovem e adulto, por mais que o foco seja o infantil, é claro.Read More
O jovem diretor Trey Edward Shults, de 27 anos, chamou atenção há dois anos com seu primeiro filme, Krisha, que custou apenas 30 mil dólares. Agora, seu segundo filme promete chamar ainda mais atenção e já coleciona muitos elogios fora do Brasil. Ao Cair da Noite mistura terror com suspense psicológico ao nos apresentar a história de uma família formada por Paul (Joel Edgerton, em mais um ótimo trabalho), Travis (Kelvin Harrison Jr.) e Sarah (Carmen Ejogo), que vive isolada no meio da floresta. Indo direto ao ponto e sem seRead More
Mais uma pérola do cinema brasileiro Antes mesmo da estreia oficial do documentário, Leandra Leal e suas oito divas já encantaram o público e os jornalistas no Festival do Rio em 2016, e também nos Estados Unidos durante o festival South by Southwest (SXSW). Sua primeira empreitada como diretora, o filme documentário Divinas Divas representa mais do que um desafio profissional e até mais do que todos os prêmios que já conquistou. Com estreia em circuito nacional marcada para 22 de junho, o longa é uma belíssima carta de amor ao passadoRead More
Vou começar essa crítica com um pequeno aviso que já resume tudo: não leve a sério. Apenas. Não. Leve. Nem Baywatch, nem Zac Efron, nem The Rock. Se você que está lendo esse texto gosta de filmes comédia pastelão que seguem vários clichês que já sabemos de cor e salteado, saiba que eu também gosto e me diverti bastante (mais do que eu imaginava) assistindo a Baywatch. Mas, se você faz parte daquele time de pessoas que até topa encarar este tipo de comédia, porém se incomoda imensamente com os furos de roteiroRead More
Para muitas meninas, completar 15 anos é uma data inesquecível e a passagem para uma nova fase da vida. Mas, para Bia (Larissa Manoela), essa data é como qualquer outra. Inspirado no livro de Luiza Trigo, o filme Meus 15 Anos não apresenta uma narrativa inovadora, mas ganha pontos nesse sentido ao se destoar positivamente da história da obra, que a própria autora já revelou ser a mais simples que escreveu. Na trama, Bia é uma garota nerd e invisível no colégio e que, muitas vezes, se torna alvo de bullyingRead More
Um casal com força suficiente para captar a essência e dar toda a carga dramática necessária à história, um roteiro interessante que fuja da obviedade – além de tudo mais que torne a experiência de assistir ao filme mais prazerosa, como edição, trilha-sonora e etc. Tendo isso em mãos, o caminho para um bom filme de romance já está quase completo, e quando toda a execução consegue ser boa, dificilmente algo dará errado. Dito isso, Tudo e Todas as Coisas já pode se unir ao time de filmes de romance adolescentes bem noRead More
Apresentado pelo projeto Sessão Vitrine Petrobras, Animal Político, que estreou na quinta passada, é um dos mais inusitados filmes nacionais desses tempos, principalmente por se tratar da estreia do pernambucano Tião na direção de longas. Orgulhosamente apresentado em materiais de divulgação, o ponto de partida narrativo de Animal Político é cativante: uma vaca (a vaca Cerveja, com voz de Rodrigo Bolzan), que vive com a família humana na cidade grande, decide se afastar de sua vida, regida pela cultura do consumo, e encontrar respostas para seus dilemas existenciais. Meu maiorRead More
No cinema, em um tempo em que (ainda) não havia super-heróis, já existiam os monstros. Monstros que nasceram da literatura, ganharam suas versões na telona e receberam todo o prestígio e admiração de muitos. Drácula, o Homem Invisível, o Fantasma da Ópera, o Lobisomem, a Noiva de Frankenstein e, claro, Frankenstein, tiveram seus próprios filmes no decorrer das décadas de 30 e 40, todos produzidos pela Universal Pictures. Os filmes do Universal Monsters representam um período brilhante não só para a história do estúdio como também para o cinema comoRead More