Daniel Rezende sobre O Mecanismo: "Adoraria que a série gerasse discussão" | Cinematecando

Posted On 21/03/2018 By In Notícias, Séries

Daniel Rezende sobre O Mecanismo: “Adoraria que a série gerasse discussão”

Diretor de Bingo comandou os dois últimos episódios da temporada

A Netflix, o principal serviço de entretenimento por internet do mundo, comemorou o lançamento de O Mecanismo – sua segunda série original brasileira – em 14 de março no Copacabana Palace, Rio de Janeiro.

Em breve entrevista para o Cinematecando no Red Carpet, Daniel Rezende (diretor e montador) comentou se acha que O Mecanismo irá agregar discussão neste ano de eleição.

Eu adoraria que a série gerasse discussão. Mas não uma discussão de A contra B; muito pelo contrário, eu acho que O Mecanismo vai na direção oposta desta expectativa. Nós ficcionalizamos e, não só por isso, fizemos tal escolha para a série ter uma boa história. Nos inspiramos em fatos reais, mas também lidamos com personagens com dramas, com a dramaturgia. O grande benefício, a grande qualidade da série é a de conseguirmos pensar neste mecanismo como uma roda que pega todas as esferas. Podermos olhar, entender e gerar este tipo de discussão, que é muito mais saudável, especialmente no período em que vivemos.


Sobre O Mecanismo

O MECANISMO é uma emocionante série original e com personagens marcantes, é inspirada em acontecimentos reais do Brasil e que impulsionaram o maior escândalo de corrupção de todos os tempos. A história retrata como um pequeno grupo de obstinados investigadores desvenda um monstruoso esquema de corrupção no Brasil e o impacto dessa descoberta em todos os envolvidos e neles próprios.

Na série, Selton Mello (Ligações Perigosas, Meu Nome Não é Johnny, O Palhaço) é Marco Ruffo, um delegado aposentado da Polícia Federal obcecado pelo caso que está investigando; Carol Abras (Avenida Brasil, Se Nada Mais Der Certo, Perto de Qualquer Lugar) é Verena Cardoni, a determinada aprendiz de Ruffo; Enrique Diaz (Justiça, Felizes para Sempre?) interpreta Roberto Ibrahim, um criminoso que é o objeto da obsessão de Ruffo. O elenco também conta com Lee Taylor (A Pedra do Reino, Velho Chico, Riocorrente), Antonio Saboia (O Lobo Atrás da Porta, Fora da Lei), Jonathan Haagensen (Cidade de Deus, Noel – Poeta da Vila), Alessandra Colasanti (A Verdadeira História da Bailarina de Vermelho), Leonardo Medeiros (Cabra-cega, Onde Quer Que Você Esteja), Otto Jr. (Malhação, O Abismo Prateado), Susana Ribeiro (O Dono do Mundo, Meu Bem Querer) e Osvaldo Mil (A Máquina, Preamar), entre outros.

Jornalista especializada em cinema. Fundadora e editora-chefe do Cinematecando. Trabalhou como assessora de imprensa na 41ª edição da Mostra Internacional de Cinema e apresenta o canal do site no YouTube.