Filmes | Página 126 de 127 | Cinematecando

Recent Posts

Posted On fevereiro 3, 2016By Barbara DemerovIn Críticas - Lançamentos

Crítica: O Regresso

Alejandro González Iñárritu é um diretor de cinema com foco em dramas humanos. Amores Brutos, 21 Gramas e Biutiful são exemplos de obras profundas e reflexivas; já Birdman, o grande favorito e vencedor do Oscar em 2015, marcou uma nova fase na carreira de Iñarritu: a mistura de drama com comédia de humor negro e o ar de cinema teatral nos bastidores da Broadway deu um novo panorama ao diretor, já que foi justamente um filme que o distanciou de tudo o que ele já tinha feito até ali. Agora,Read More

Posted On fevereiro 1, 2016By João Pedro AccinelliIn Uncategorized

Crítica: Tallulah

Ellen Page, vida complicada, um filho. Possivelmente você já viu tudo isso em um filme, Juno (2007). Mas com essa nova atração original Netflix você ficará de frente para uma história completamente diferente, com mais ação e menos comédia, além de uma carga emocional consideravelmente intensa. Ellen Page interpreta Tallulah, uma garota pobre, recém deixada pelo namorado, que faz de tudo para conseguir dinheiro e levar sua vida, inclusive roubar. Até que é confundida com uma camareira por Carolyn (Tammy Blanchard), uma instável residente de um prédio. O problema vem quando TallulahRead More

Posted On janeiro 28, 2016By Barbara DemerovIn Artigos - Séries, Séries

As faces do Jornalismo no Cinema e na TV

O Jornalismo (ou o Quarto Poder, expressão utilizada para enobrecer o poder da mídia) exerce influência não só na vida real como na ficção, afinal, cinema também é um meio de comunicação. A retratação do dia-a-dia jornalístico – começando pela ética, passando pelos bastidores do trabalho até chegar nas investigações e nos poderes e consequências que cada furo possui – já foi muito abordada em filmes e séries. Projetos ligados ao Jornalismo ganharam inúmeros prêmios importantes e, alguns, como o filme Cidadão Kane, foram considerados marcas de inovação no cinema. É reconfortante ver que a SétimaRead More

Posted On janeiro 26, 2016By Barbara DemerovIn Críticas - Lançamentos

Crítica: Trumbo – Lista Negra

Década de 1940. Com a Segunda Guerra Mundial, ideologias políticas divergentes foram criadas e, juntamente com a péssima relação entre os Estados Unidos e a União Soviética, esses posicionamentos opostos só ganharam mais espaço. De um lado estavam os pacifistas; do outro, os comunistas. Na Califórnia, durante este momento incerto na política, o Comitê de Investigação de Atividades Antiamericanas do Senado conduziu investigações contra milhares de americanos. Toda essa suspeita foi usada como desculpa para vencer o comunismo nos Estados Unidos. Inclusive, a medida foi tão profunda que chegou atéRead More

Posted On janeiro 14, 2016By Barbara DemerovIn Críticas - Lançamentos

Crítica: Creed – Nascido para Lutar

Se Rocky Balboa (2006) serviu para mostrar como e onde Rocky se encontrava nos anos que se passaram desde o quinto filme da franquia, Creed (2015) se desempenhou para mostrar até onde ele pode chegar depois de sua carreira como boxeador. E mais: se o filme de 2006 foi considerado na época como o fim da grande história de Rocky, o novo capítulo da franquia já possuía um desafio enorme desde o seu anúncio: o de honrar a trajetória que foi construída ao longo de 40 anos. Felizmente, o diretorRead More

Posted On janeiro 13, 2016By Barbara DemerovIn Filmes, Um Diretor e Um Filme

Um diretor e um filme: Clint Eastwood

Clint Eastwood é uma das personalidades mais talentosas e respeitadas de Hollywood, seja atuando, dirigindo, compondo ou produzindo seus filmes (ele até chegou a fazer essas quatro coisas ao mesmo tempo em alguns trabalhos). Começou sua carreira como ator em meados dos anos 60, conquistando seus fãs na pele do Homem sem Nome, personagem que fez parte da Trilogia dos Dólares do diretor italiano Sergio Leone (1929-1989). Clint fez sua primeira aparição como o Pistoleiro em Por Um Punhado de Dólares (1964). Misterioso, sempre vestindo um poncho, o anti-heroi rápido no gatilho falava mansinho e tinhaRead More

Posted On janeiro 11, 2016By Barbara DemerovIn Filmes

A versatilidade de David Bowie no cinema

Ontem, dia 10 de janeiro de 2016, perdemos David Bowie, o camaleão do rock. Por mais de quatro décadas ele foi um ícone que influenciou não apenas a área musical como também o cinema e a moda. Seu estilo andrógino, sua voz e a profundidade de sua obra foram algumas das grandes características de sua personalidade e carreira, marcando gerações de fãs. Ele construiu um legado inesquecível, com muita imaginação e originalidade. Sua discografia variada engloba 29 álbuns, contando com Blackstar, lançado nesta última sexta-feira (08/01), dia em que completou 69Read More

Posted On janeiro 8, 2016By Barbara DemerovIn Críticas - Lançamentos

Crítica: Os Oito Odiados

Que diretor singular é Quentin Tarantino. A cada filme lançado, algo sempre acaba surpreendendo. O modo que ele dirige suas histórias e seus atores é algo realmente magnífico. Mesmo repetindo algumas fórmulas já bastante conhecidas (como a divisão em capítulos), assistir as obras de um diretor tão cinéfilo quanto os seus fãs é uma experiência emocionante, cheia de altos e baixos, como em uma montanha russa. Em Os Oito Odiados, Tarantino vai compondo a introdução em uma bela paisagem invernal de forma extensa e paciente. A maneira que o espectadorRead More

Posted On janeiro 6, 2016By Barbara DemerovIn Críticas - Lançamentos

Crítica: Carol

Quando falamos sobre uma boa história de amor, ela consequentemente abrange sub-temas que se entrelaçam com a trama principal. Em Carol, somos espectadores de um relacionamento entre duas mulheres, mas o filme não se trata apenas disso. Aliás, é o pano de fundo do enredo que torna tudo mais interessante. A busca pela felicidade, o receio constante de ser sincero consigo mesmo e a dificuldade de viver em meio ao puritanismo americano de 1950 são questões que o diretor Todd Haynes (de Não Estou Lá) aborda com requinte, sem extravagâncias. Em NovaRead More

Posted On janeiro 4, 2016By Barbara DemerovIn Filmes, Um Diretor e Um Filme

Um diretor e um filme: Steven Spielberg

O cineasta desta semana não é apenas diretor, também é roteirista e foi produtor de inúmeros filmes que marcaram gerações. Nascido em Ohio no ano de 1946, Steven Allan Spielberg descobriu qual era seu talento desde cedo, já que com apenas 12 anos ganhou sua primeira câmera. Em meados da década de 60, ele já era um dos mais renomados diretores de televisão na Universal. Com Duel (1972), seu filme criado para TV, Steven conseguiu a oportunidade de dirigir para o cinema. Dali para frente ele só cresceu. Hoje, colecionaRead More