Posted On dezembro 12, 2016 By In Games, Listas

A Força de Star Wars no videogame

Quando falam em franquias nos videogames em que é explorado vários gêneros e com várias franquias diferentes, qual a série que vem em sua mente? Mario? Para nós, amantes da sétima arte, é Star Wars!

Apesar de existirem apenas sete filmes da história principal na telona, no mundo dos jogos eletrônicos Star Wars já foi palco para games de aventuras, corridas, Hack and Slash, MMO, FPS, Shoot ‘em up, estratégia, e até mesmo vários crossovers com o mundo Lego.

Como muitos de vocês sabem, Star Wars foi lançado em 1977, mas foi somente em 1982 que o mundo recebeu a primeira adaptação para os consoles. Star Wars: The Empire Strikes Back foi lançado para o Atari 2600. Já a mais recente é Lego Star Wars: The Force Awakens, desenvolvido para quase todas as plataformas e que ficou disponível entre junho e julho de 2016.

Com a proximidade da estreia do filme Rogue One: Uma História Star Wars, criamos uma lista com sete jogos que são excelentes para quem curte jogar e não dispensa o universo criado por George Lucas.

Super Star Wars (1992)

Com quase 25 anos, Super Star Wars foi lançado inicialmente como exclusivo para o Super Nintendo. O modo dele era basicamente correr pelo cenário e atirar, intercalando com algumas fases onde era possível pilotar uma X-wing ou dirigir uma Landspeeder. Focado principalmente em Luke Skywalker, Super Star Wars permitia controlar Han Solo e o Chewbacca em determinados momentos. A história era baseada no filme de 1977, mas não seguia fielmente seu irmão das telonas. Alguns acontecimentos não são idênticos ao produto original, mas nada que tire a graça do game. Após esse jogo, ainda foram lançadas as versões dos filmes O Império Contra-ataca e O Retorno do Jedi. Recentemente, o PlayStation 4 e o PS Vita ganharam versões atualizadas desse clássico. O valor na PSN é de R$ 30,90.

Star Wars: Knights of the Old Republic (2003)

Considerado um dos melhores jogos de Star Wars de todos os tempos, Knights of the Old Republic foi desenvolvido pela BioWare e lançado em 2003. Para se ter uma ideia de recepção positiva e sucesso nas críticas, o game ganhou diversos prêmios, incluindo o jogo do ano pelo Game Developers Choice Awards de 2004. Desenvolvido para o Xbox e PC, a história acontece 4 mil anos antes dos acontecimentos dos filmes. No jogo é possível ver a Velha República e o renascimento dos Sith. O grande vilão aqui é Darth Malak, que ataca a República com seu exército e deixa os Jedis extremamente enfraquecidos. Com o estilo de RPG, uma das melhores sacadas de Knights of the Old Republic é a possibilidade de escolher o destino de seu personagem. Ao fim da campanha, ele pode ter seguido o lado bom da Força e ter derrotado Malak, ou pode ter ido para o lado negro e tomado o poder de Malak e tornado o novo Dark Lord.

Star Wars: Battlefront I e II (2004 e 2005)

Não confunda Star Wars: Battlefront da Pandemic Studios com o Star Wars: Battlefront da EA. Mas podemos considerar o Battlefront original a fonte de inspiração para o mais recente. Desenvolvido para PC, PlayStation 2 e Xbox, ele contava com dois modos, single player e multiplayer. No modo sozinho, viajamos pela galáxia e participamos de batalhas da trilogia original e da “nova trilogia” que já não é mais nova após o lançamento do episódio VII. Mas era no multiplayer em que o jogo ganhava destaque. Com a possibilidade de até 64 jogadores se enfrentarem nas partidas de PC, isso transformava Battlefront em um Counter-Strike espacial da época. Enquanto no primeiro as batalhas eram em solo, o segundo conseguiu melhorar o que já estava bom ao incluir a função de pilotar naves e lutar no espaço.

Lego Star Wars: The Complete Saga (2007)

Se Star Wars já é legal, imagine no universo Lego. Em Lego Star Wars: The Complete Saga, revivemos os acontecimentos dos filmes no formato dos blocos coloridos. O jogo é a combinação de Lega Star Wars: The Video Game e da sua sequência Lego Star War II: The Original Trilogy. Desenvolvido para PC, Nintendo DS, PlayStation 2 e 3, Wii e Xbox 360, a premissa é bem simples: você precisa coletar tijolos de ouro enquanto participa e acompanha as histórias das duas primeiras trilogias. Sua recepção positiva pode ser vista quando em 2009 a edição de games do Guinness anunciou que o jogo está na posição 23ª dos melhores games de todos os tempos.

Star Wars: The Force Unleashed (2008)

O anúncio e lançamento de Star Wars: The Force Unleashed foi envolvido em polêmica pelo seu protagonista: Starkiller. O jovem é filho de Jedis e é um aprendiz secreto de nada mais nada menos que Darth Vader. A primeira missão do jogo é até mesmo controlando Vader. A história se passa entre os episódios III e IV, e, após receber uma missão de Palpatine, Darth Vader encontra uma criança extremamente forte no uso da Força. Starkiller então cresce escondido do Imperador Palpatine e recebe diversas missões para aniquilar os Jedis restantes no universo. Com esse plot um tanto quanto estranho, existe outro: Darth Vader tem planos de assassinar Palpatine e comandar a galáxia ao lado de seu aprendiz. Desenvolvido para todas as plataformas da época, e apesar das polêmicas, The Force Unleashed foi bem aceito e vendeu muito bem, garantindo uma sequência que já não foi tão bem aceita.

Star Wars: Battlefront (2015)

Terceiro jogo com o título de Battlefront, o game de 2015 não é uma sequência, e sim uma espécie de reinício da série. Criticado por praticamente não ter uma campanha, a DICE fez o que sabe fazer de melhor (algo já visto em Battlefield), e transformou o jogo em um ótimo produto para quem gosta de multiplayer online. Com a possibilidade de jogar como Darth Vader, Luke Skywalker, Han Solo, Leia, Boba Fett e Palpatine, o jogo ainda permite você controlar naves e AT-AT – e até mesmo a Millennium Falcon. Com diversos modos no multijogador, as batalhas são ambientadas em diversas localizações de Star Wars, como Endor, Hoth, Sullust e Tatooine. Mesmo com o brilho indo para o online, ainda é possível participar de missões offline, mas nada que tenha uma campanha ou que segue os filmes da franquia. Para a alegria dos fãs, a EA já anunciou o desenvolvimento da sequência para 2017.

Tags : , , ,

Redator do Cinematecando | Jornalista, 22 anos. Viciado em games, cresceu lendo Harry Potter e vendo os filmes do Batman. Entre um gole e outro de cerveja tenta conciliar os jogos de videogame, filmes e partidas de futebol (o tradicional e o americano) com o que precisa jogar ou assistir.