2016 Tag

Posted On Janeiro 27, 2017By Jaquelini CornachioniIn Filmes

Crítica: Innsaei – O Poder da Intuição

Quando nós pensamos em Netflix, logo vem uma lista imensa de filmes e séries na nossa cabeça. E é isso que normalmente assistimos quando nos conectamos com o serviço de streaming. Mas a Netflix, além disso, possui diversos documentários no catálogo com temas variados. Entre eles, Innsaei – O Poder da Intuição, onde pensadores e espiritualistas discutem sobre o Innsaei, filosofia islandesa que promove a conexão das pessoas por meio da empatia e, principalmente, da intuição. Dirigido por Hrund Gunnsteinsdottir e Kristín Ólafsdóttir, o documentário tem um objetivo claro: mostrarRead More

Posted On Janeiro 14, 2017By Alexis ThunderduckIn Críticas - Lançamentos

Crítica: O Apartamento

Hoje, Asghar Farhadi é o maior e mais conhecido nome do cinema vindo do Irã. Apesar de jovem – apenas 45 anos de idade -, este diretor, desde Dancing in the Dust (2003), tem figurado entre alguns festivais de cinema pelo mundo, mesmo que não de grande porte no começo. Contudo, em 2009, isso iria mudar. Naquele ano, Asghar Farhadi saiu com o prêmio Urso de Prata de Melhor Diretor de um dos mais renomados festivais de cinema no mundo: o Festival Internacional de Cinema de Berlin. O filme responsável porRead More

Posted On Janeiro 7, 2017By João Pedro AccinelliIn Críticas - Lançamentos

Crítica: Aliados

Quando você pensa que está farto de filmes sobre a Segunda Guerra Mundial, uma linda obra-prima como Aliados chega para mostrar que ainda há ótimas histórias sobre esse conturbado período a serem contadas. O novo filme do mestre Robert Zemeckis é uma homenagem ao amor e suas desconfianças em uma época cheia de rivalidades territoriais, em que ninguém tem pena de ninguém, estando todos a par dos interesses políticos de suas pátrias. Nesse meio, somos introduzidos à uma delicada relação amorosa entre dois espiões que apenas buscam seguir suas vidas calma eRead More

Posted On dezembro 30, 2016By Rodrigo FabrettiIn Artigos, Listas

Cinema, televisão e games: Os piores de 2016

O fim do ano já chegou e, com ele, as pessoas começam a fazer diversas listas e retrospectivas dos melhores lançamentos do ano. Mas uma das principais importâncias de aprender coisas novas é que, ao estudar o passado, você consegue ver erros para não repeti-los no futuro. Seja no cinema, na televisão ou nos games, sempre existe aquela obra que decepciona além do que estávamos esperando. Com esse pensamento em mente, a equipe do Cinematecando separou uma lista de filmes, séries e games que foram verdadeiras decepções para todos nós (e paraRead More

Posted On dezembro 21, 2016By Barbara DemerovIn Críticas - Lançamentos

Crítica: Moana – Um Mar de Aventuras

2016 foi um ano cheio de lançamentos para a Disney. De animações (Zootopia, Procurando Dory) a filmes de super-heróis (Guerra Civil, Doutor Estranho), a qualidade do estúdio manteve-se alta e firme. Agora, para fechar o ano lá fora e iniciar 2017 com tudo no Brasil, a Disney nos apresenta Moana, a mais nova princesa de seu universo – por mais que ela mesma insista em dizer que não é uma princesa. Dos diretores Ron Clements e John Musker (Aladdin e A Pequena Sereia), Moana – Um Mar de Aventuras entrega tudo aquilo que esperamos deRead More

Posted On dezembro 19, 2016By Barbara DemerovIn Críticas - Lançamentos

Crítica: Capitão Fantástico

Dirigido e escrito pelo ator e cineasta Matt Ross, Capitão Fantástico é uma mistura de Pequena Miss Sunshine com Na Natureza Selvagem. Com subtemas tão curiosos quanto a trama principal em si (como críticas ao estilo consumista da sociedade e ao método de ensino nas escolas), o filme pode até parecer um tanto infantil por conta de seu nome, mas não é esse o caso. Com uma história que possui drama, comédia e romance nas medidas certas (e que até encaixa cenas de roadmovie), o longa estrelado por Viggo Mortensen (O Senhor dosRead More

Posted On dezembro 15, 2016By Barbara DemerovIn Críticas - Lançamentos

Crítica: Rogue One: Uma História Star Wars

Esperança. Essa é a palavra que move Rogue One: Uma História Star Wars, um longa que muitos fãs estavam esperando há tempos. Talvez a palavra pode soar apenas como uma singela referência ao Episódio IV – Uma Nova Esperança, de 1977, mas ela significa mais do que isso. A esperança é o que move os heróis de guerra, a civilização pós massacre dos Jedi e ascensão do Império, e até mesmo aqueles que não acreditam na onipresença da Força. Em Rogue One, a esperança é real e palpável – nesse ponto,Read More

Posted On dezembro 13, 2016By Rodrigo FabrettiIn Críticas - Lançamentos

Crítica: Sing – Quem Canta Seus Males Espanta

Por Rodrigo Fabretti Após o filme Pets – A Vida Secreta dos Bichos, a Illumination voltou seu foco para o “mundo animal”. Só que, desta vez, ao invés de mostrar o cotidiano dos cães enquanto seus donos estão fora, o estúdio levou todos os animais para o palco de um teatro. Com diversas histórias que exibem elementos de perdas, superação e esperança, Sing – Quem Canta Seus Males Espanta é um filme que carrega uma mensagem importante: a de que, independentemente dos obstáculos impostos no caminho, sempre podemos alcançar nossos objetivos. ApaixonadoRead More

Posted On dezembro 2, 2016By Jaquelini CornachioniIn Games, Notícias

The Game Awards: Overwatch ganha prêmio de melhor jogo do ano

Nesta sexta (2), a terceira edição do The Game Awards no formato atual premiou os melhores jogos de videogame e computador do ano, além de ressaltar outros grandes feitos da indústria. Com apresentação de Geoff Keighley, que anteriormente trabalhou no Spike Video Game Awards, as categorias foram de Melhor Jogo do Ano até o Jogo Mais Aguardado. Para melhorar, teve brasileiro na lista. A seguir, confira os vencedores – que estarão em negrito – e os indicados ao The Game Awards 2016! Jogo do Ano Inside Doom Overwatch Titanfall 2Read More

Posted On novembro 27, 2016By Alexis ThunderduckIn Críticas - Lançamentos

Crítica: Sully – O Herói do Rio Hudson

É sempre com grande expectativa que se assiste a um filme do diretor Clint Eastwood. Este grande diretor, definitivamente, já conseguiu cravar seu nome no ‘hall dos gigantes’ do cinema como ator, produtor, diretor, e até compositor. Em sessenta anos de carreira, com créditos em mais de setenta filmes – e alguns trabalhos de televisão, como a série de faroeste Rawhide – este diretor, que já foi até prefeito de uma pequena cidade no estado da Califórnia, chamada Carmel-by-the-Sea, não tem a necessidade de provar mais nada. Mesmo assim, paraRead More