Filme Tag

Posted On setembro 18, 2017By Letícia PiroutekIn Críticas - Lançamentos

Crítica: Kingsman – O Círculo Dourado

Depois de três anos de espera, a sequência de Kingsman finalmente chega às telonas para a alegria dos fãs. O filme tem tudo que primeiro trouxe: cenas de ação coloridas e explosivas, piadas bem colocadas e todos os personagens que nós amamos. Só tem um problema… Os fãs de carteirinhas provavelmente não sairão muito felizes da sessão como no primeiro filme. Pelo menos, foi o meu caso. A continuação da trama permanece seguindo a história de Eggsy Unwin (Taron Egerton), que ainda está se recuperando da morte de seu mentorRead More

Posted On setembro 17, 2017By Jaquelini CornachioniIn Críticas - Lançamentos

Crítica: Mãe!

Caos puro. Mãe! não é um filme fácil de ser digerido. É necessário horas após a sessão para conseguir assimilar todas as situações escancaradas de maneira exibicionista no longa. Darren Aronofsky (Cisne Negro, Réquiem para um Sonho) pode não ter inovado nos temas retratados (tais como religião, política, fanatismo, egocentrismo e paixão), mas certamente inovou na maneira como tudo isso é misturado e colocado em cena. Mãe!, na verdade, parece nos jogar dentro de um grande e intenso pesadelo em que estamos o tempo inteiro nos perguntando o que estáRead More
Gabriel e a Montanha, de Fellipe Barbosa, superou nesta semana os 50 mil ingressos vendidos na França, após duas semanas em cartaz no país europeu. O longa-metragem segue crescendo em número de salas por lá: saltou de 70 na data de estreia para 135 cópias nesta semana. A coprodução entre Brasil e França, rodada em quatro países da África, retrata a viagem do economista carioca Gabriel Buchmann pela África. Após exibição no Festival do Rio, em outubro, o filme terá estreia comercial no Brasil em 2 de novembro! Em maio,Read More

Posted On setembro 15, 2017By Caio VechiatoIn Críticas - Lançamentos

Crítica: Columbus

O combo entre cinema e arquitetura é quase sempre fascinante. O documentário Esboços de Frank Gehry, do grande Sydney Pollack, investiga a mente e a obra do pós-modernista Gehry de maneira intimista. O neo-noir brasileiro Obra, dirigido pelo antes arquiteto Gregório Graziosi, cria uma atmosfera intimidadora ao situar seu protagonista em meio a construções gigantescas, de maneira expressionista. O mais novo longa-metragem na categoria pode ser muito bem um dos melhores: estreia do ensaísta sul-coreano Kogonada como diretor de cinema, Columbus é uma pulsante surpresa para o ano de 2017.Read More

Posted On setembro 13, 2017By Bianca HerediaIn Críticas - Lançamentos

Crítica: Amityville – O Despertar

Muitos já sabem, mas o terror é um gênero muito difícil de ser trabalhado no cinema. Especialmente de uns anos para cá, como quase tudo se torna uma franquia interminável e sem sentido (ou remake atrás de remake, nos deixando cada vez mais confusos), é raro encontrar um filme que seja exceção (como no caso de It – A Coisa e Annabelle 2, por exemplo). Bem, infelizmente, Amityville: O Despertar não desperta absolutamente nada de inovador no gênero. O novo filme do diretor Franck Khalfoun entra neste hall de remakes confusos deRead More

Posted On setembro 13, 2017By Caio VechiatoIn Críticas - Lançamentos

Crítica: As duas Irenes

As duas Irenes é um filme de descobertas, para suas personagens e para o público. O longa, que estreia 14 de Setembro, é o primeiro de Fábio Meira enquanto diretor. Exibido no 67º Festival de Berlim, também foi laureado em Gramado neste ano, levando inclusive o prêmio de Melhor Filme pelo júri da crítica. Inspirado por uma história familiar, o roteiro do próprio Meira conta a história de Irene (Priscilla Bittencourt), uma garota que descobre ao acaso a existência de uma meia-irmã de mesmo nome (interpretada por Isabela Torres). ParaRead More

Posted On setembro 10, 2017By Barbara DemerovIn Críticas - Lançamentos

Crítica: 2:22 – Encontro Marcado

Às vezes, não adianta ter certeza de tudo durante todos os dias de nossas vidas, porque repentinamente ela pode nos surpreender e virar tudo de cabeça para baixo. Porém, Dylan Branson gosta que sua vida seja moldada pela rotina, desde a hora em que acorda, durante seu trabalho e até a hora de dormir. Acostumado com ordem, logo ele precisa lidar com uma grande mudança que está acontecendo à sua volta: uma série de eventos que se repete exatamente no mesmo horário todos os dias, sempre às 2:22 da tarde. 2:22 –Read More

Posted On setembro 9, 2017By Caio VechiatoIn Críticas - Catálogo, Filmes

Crítica: Free Fire – O Tiroteio

Você pode não conhecer seu nome ou ter visto nenhum de seus filmes, mas o britânico Ben Wheatley é um dos cineastas mais interessantes desta última década. Subversivo por natureza, começou pequeno com o thriller Down Terrace e logo em seguida partiu para o chocante terror Kill List, que o colocou no holofote de críticos e festivais. Após os também celebrados Sightseers e A Field in England, Wheatley enfim se envolveu com projetos de maior prestígio, o primeiro deles sendo No Topo do Poder, sci-fi distópico protagonizado por Tom HiddlestonRead More

Posted On setembro 8, 2017By Caio VechiatoIn Críticas - Lançamentos

Crítica: Feito na América

Assistindo aos primeiros trailers de Feito na América, com estreia nacional marcada para 14 de Setembro, fiquei com uma impressão estranha de que havia algo de errado. Já tendo testemunhado a história de Barry Seal no ano de estreia de Narcos, vê-lo interpretado por Tom Cruise em um filme hollywoodiano gerou sentimentos conflitantes. Transformar um traficante que se alimentou da violenta guerra às drogas na Colômbia em um anti-herói engraçadinho, encarnado ainda pela maior estrela do cinema, certamente parecia questionável, no mínimo. Assistindo ao produto final, no entanto, posso assegurarRead More

Posted On setembro 7, 2017By Alexis ThunderduckIn Críticas - Lançamentos

Crítica: Dupla Explosiva

“Tic-tac, motherfucker!” Duas palavras! São necessárias apenas duas palavras para saber o que serão as quase duas horas de Dupla Explosiva. Este filme, que liderou as bilheterias nos Estados Unidos nos dois últimos finais de semana, tem objetivos bem claros: entreter e provocar riso ao espectador. Sem brilhantismo e apoiado sob um enredo tão genérico quanto a tradução brasileira do filme, estranhamente, Dupla Explosiva alça um nível satisfatório e consegue isso por dois fatores: Ryan Reynolds e Samuel L. Jackson. Esse duo é o centro de um filme que conta aRead More