Artigos Category

Posted On abril 28, 2017By Giovanna ArrudaIn Artigos, Teatro

A magia do Teatro em Les Misérables

Sou uma grande fã dos filmes musicais e vergonhosamente nunca tinha ido ao teatro ver um musical, mas enfim fui assistir ao espetáculo Les Misérables, que está em cartaz de março até julho no Teatro Renault em São Paulo, e não posso estar mais feliz. A peça, baseada no livro homônimo de Victor Hugo, se passa durante a Revolução Francesa e traz a clássica história de Jean Valjean, Fantine, Javert, Cosette, Marius e outros tantos personagens que já são conhecidos do público. É impossível assistir ao espetáculo e não relacioná-loRead More

Posted On abril 27, 2017By Alexis ThunderduckIn Artigos, Filmes

Tributo a Jonathan Demme (1944 – 2017)

Assim como meu artigo em homenagem ao diretor iraniano Abbas Kiarostami ano passado, agora, com o falecimento recente do diretor americano Jonathan Demme, também falarei um pouco da relevância deste premiado cineasta, tanto para o cinema quanto para este que vos escreve. Jonathan Demme, natural do estado de Nova York, alcançou seu ápice de sucesso nos anos 90 com seus filmes mais premiados como O Silêncio dos Inocentes e Filadélfia. Antes disso, Demme não se deixou passar despercebido, pois nos anos 80, dirigindo filmes mais leves e até cômicos como TotalmenteRead More

Posted On abril 26, 2017By Mayara ZagoIn Artigos, Filmes

Destino e comédias românticas

Filmes são perspectivas da realidade. O diretor, roteirista e, em alguns casos, o autor de um livro retratado nas telas é responsável pelas ideias e pelos sentimentos despertados no espectador ao assistir um filme. Todos nós somos guiados de acordo com o pensamento e o direcionamento do diretor, através de cenas e detalhes que chamam a atenção dos olhares curiosos que desmembram e analisam minuciosamente cada obra lançada no meio cinematográfico. No gênero de comédia romântica os temas são variados (muitas vezes caindo no sublime conceito de clichê), mas, deRead More

Posted On abril 6, 2017By Cauê LiraIn Artigos

Indicação: As melhores web séries do YouTube

Quando falamos de web series, logo lembramos da nossa locadora vermelha favorita. Contudo, a única maneira de colocar qualquer conteúdo na Netflix, ou em seus concorrentes, é através de uma distribuidora grande. E nem sempre o orçamento permite que isso aconteça. Ainda bem que isso nunca foi um problema para produtores independentes, uma vez que alguns divulgam suas obras através do bom e velho YouTube. Claro, considerando que são séries independentes com orçamentos limitados, não tem como esperar uma superprodução. E essa é a verdadeira graça das web series, queRead More
Muitas explosões, novos personagens e robôs gigantes membros da Távola Redonda do Rei Arthur preencheram a prévia de 20 minutos de Transformers – O Último Cavaleiro. Assistimos aos trechos com exclusividade em um evento para fãs em São Paulo à convite da Paramount Pictures. Na primeira das cinco cenas exibidas, somos levados para a antiga Inglaterra, onde Rei Arthur e seus cavaleiros estão em campo de batalha aguardando a chegada do mago Merlin, e a ponto de serem derrotados pelo inimigo. A sequência tem proporções épicas e lembra muito o inícioRead More
Esse é um texto de opinião e inclui experiências próprias A escola pode ser algo cruel. Como se já não bastasse toda a pressão para decidirmos, em poucos anos, o que vamos fazer pelo resto de nossas vidas, é nesse momento que precisamos nos esforçar para criarmos amizades e não nos sentirmos sozinhos no meio disso tudo. Então, surge a necessidade de nos encaixarmos em algum grupo. Afinal, nós TEMOS que nos identificar com algo ou alguém. É nessa fase também que nos importamos mais com o nosso corpo, cabelo,Read More

Posted On março 20, 2017By Jaquelini CornachioniIn Artigos, Filmes

A evolução das princesas da Disney

Em 1937, ano em que foi lançado o filme A Branca de Neve e os Sete Anões, o mundo era outro. Desde então, passaram-se exatos 80 anos e a luta pelos direitos das mulheres se tornou um assunto importante e necessário na sociedade. Por isso, aquela história padronizada de uma princesa frágil que espera pelo príncipe encantado é passado e não cabe à realidade do público feminino contemporâneo. Não que seja um erro assistirmos aos clássicos. Na verdade, eles nos mostram o quanto as mulheres foram ganhando mais força eRead More

Posted On março 8, 2017By Laurana FrancoIn Artigos

Não se nasce mulher no papel da vida, torna-se

Hoje é dia 8 de março, dia da Mulher. Dia de darmos rosas para nossas mães e sermos paparicadas por alguns parentes, mas como disse Simone de Beauvoir: “Não se nasce mulher, torna-se”. Por anos eu admito que não entendi essa frase, até de fato me tornar uma. Percebi com o tempo que, para ser mulher, não é realmente preciso ter nascido como uma, mas encarar esse papel difícil que a vida nos deu. Ser mulher é ser uma lutadora. Matrix é um dos filmes mais impressionantes e simplesmente obrigatório deRead More

Posted On março 8, 2017By Giovanna ArrudaIn Artigos, Filmes

Fight Like a Girl! – As heroínas no cinema

Era uma vez personagens femininas que estavam nos filmes para enfeitar a tela, cheias de maquiagem e com poucas falas, com ação mínima e provavelmente precisando ser salvas pelo personagem masculino principal. Conhece algum filme estruturado com base nesse roteiro? Pois é, existem vários. Se o cinema é visto como um mundo masculino, o universo “nerd” era um clubinho fechado só de garotos. Mas as mulheres foram conquistando seu espaço (primeiro como consumidoras das obras e depois como fãs), e as produtoras perceberam que esse novo público precisava se verRead More

Posted On março 7, 2017By Mônica BerkovichIn Artigos

O machismo presente em Hollywood

Este texto é de cunho pessoal e a opinião compartilhada aqui não é a mesma que todos compartilham no site Cinematecando Na tão esperada noite de domingo, 26 de fevereiro, foi anunciado o prêmio de Melhor Ator para o ator Casey Affleck, o qual em 2010 foi acusado de assédio sexual durante as gravações do documentário I’m Still Here. Não era surpresa ele ter ganhado, mas sim, a decepção de ter vencido na categoria (que ficou estampada na cara da atriz Brie Larson, que anunciou o vencedor). A decepção começa porRead More