Cine Netflix • Especial Halloween | Cinematecando

Posted On 28/10/2016 By In Cine Netflix, Filmes

Cine Netflix • Especial Halloween

Última sexta-feira antes do Halloween! E resolvemos fazer um Cine Netflix Especial de Terror pra você aproveitar esse fim de semana. E, dessa vez, com 10 indicações de entretenimentos do gênero não tão conhecidos que estão no serviço de streaming e que ainda não foram citados por aqui. Tem de tudo: terror adolescente, terror sobrenatural, filme de zumbi, muito terror B e ainda um ótimo documentário no final. A lista é boa! Confiram:

O Atalho (2009)

1

Vamos dar início a esse especial trazendo um terror adolescente que poucos conhecem, mas que possui uma história bem interessante. Logo atrás do colégio há uma placa “Não Ultrapasse”. Esse é o atalho pelo bosque que ninguém se atreve a tomar. Pessoas na cidade falam sobre o homem assustador que mora lá e as crianças que desapareceram perto de sua casa há muito tempo atrás. Agora, um grupo de estudantes resolve descobrir o que o estranho atalho esconde. O filme pode até ser encarado como uma alta dose de reflexão sobre os limites de um assassinato e suas consequências, e além disso, garante ótimos cenários e bons personagens.

Rota da Morte (2003)

2

Um ótimo terror de baixo orçamento que vai te dar variados sentimentos, de angústia até completa tensão. Véspera de Natal. Tudo corria bem para aquela família que viajava numa estrada quase deserta rumo à casa de um parente até que Frank, que está ao volante, avista uma sinistra mulher de branco, com um bebê no colo, parada no acostamento. O pesadelo está para começar. Aos poucos, os cinco passageiros daquele carro vão sendo envolvidos por uma série de sinistros acontecimentos. O filme recebeu vários prêmios internacionais e é considerado por muitos uma obra-prima do terror do século XXI, mas ainda assim não é tão comentado nos dias atuais.

O Buraco (2009)

3

Sabe aqueles filmes que sabem explorar uma combinação de terror com suspense e aventura? Essa obra é perfeitamente um desses. Depois de se mudarem para um novo bairro, os irmãos Dane (Chris Massoglia) e Lucas (Nathan Gamble) conhecem a vizinha Julie (Haley Bennett) e juntos descobrem um buraco trancado no sótão da casa nova. O que eles nem imaginavam é que uma vez que o buraco seja aberto, além de não ter fundo ele serve como um portal para um mal sem precedentes. Com estranhas sombras à espreita a cada esquina e pesadelos ganhando vida, eles são forçados a encarar seus medos mais profundos para colocar um fim a este mistério. Um terror que tem todos elementos necessários para ser gostoso de assistir: ambientação amedrontadora, algumas piadas sem exagero, um enredo cheio de enigmas, e até uma pitadinha de romance.

Assim na Terra como no Inferno (2014)

4

Já estamos acostumados com filmes de terror em found footage (filmados com uma filmadora na mão, sendo o câmera um dos personagens), mas essa produção explora ambientes peculiares que vão te deixar apavorado e ao mesmo tempo intrigados. Um grupo de arqueólogos está em busca de um tesouro perdido e, para isso, explora o desconhecido labirinto de ossos nas catacumbas abaixo de Paris. Aquela região, conhecida como a cidade dos mortos, revela um segredo que mexerá com a psique humana de modo que os demônios pessoais de cada um voltarão para assombrá-los. Pra quem gosta de arqueologia, é um filme de terror obrigatório.

O Portão (1987)

5

Poucos sabem, mas também existe o terror infantil, e esse filme explora seu gênero de forma incrível, com efeitos especiais surpreendentes, e uma história que te conduz para sua essência repleta de aventuras sem embaraços. Durante um chato e rotineiro fim de semana, o jovem Glen (Stephen Dorff) e Terry (Louis Tripp) seu melhor amigo, decidem explorar o quintal da casa de Glen. Logo eles acabam encontrando uma estranha passagem cavada no chão, a qual promete uma série de desafios e aventuras sinistras para a nossa dupla de heróis. Consultando um de seus discos de heavy metal, Glen conclui que o buraco é na verdade, um “portal para o inferno”. Oferecendo um sacrifício na forma de um cachorro morto, Glen abre o portão para a região dos mortos, através do qual passam alguns dos mais terríveis e piores demônios possíveis de se imaginar. Um belo filminho imperdível.

Extermínio 2 (2007)

6

É definitivamente um dos melhores filmes de zumbis que já vi. A direção precisa junto ao roteiro ora dinâmico e ora lento, conseguem transmitir o clima de desespero dos personagens. O terror e a destruição revelados em Extermínio 2, têm início seis meses depois de um vírus dizimar Londres nesta arrepiante história de horror, continuação que supera o filme inicial. Restabelecida a ordem e vencida a guerra contra o vírus, o exército dos EUA apresenta-se para ajudar a repovoar o Continente Britânico, mas um dos refugiados que regressam carrega um segredo terrível que ameaça reacender a explosão mortal, sede de sangue, carnificina e o caos. Não perca a chance de se emocionar junto com os personagens com esta ótima produção.

Reality da Morte (2011)

7

A presença do realismo é uma das principais vantagens do filme, por saber conduzir sua trama macabra se relacionando com vários aspectos dos reality shows. Alguma coisa diabólica está acontecendo nos bastidores de “The Task”, o novo reality show onde os jogadores completam terríveis missões junto com os confinados de uma prisão abandonada esperando receber um grande prêmio em dinheiro. Enquanto os seis jovens estudantes exploram seu novo ambiente, espíritos malignos marcam sua presença das maneiras mais horripilantes imagináveis. Incapazes de escapar da sufocante prisão, os competidores se transformam inconscientemente em presas numa sanguinária noite de terror. É mais um prato cheio para os fãs dos clichês de terror.

Aterrorizada (2010)

8

O último filme do mestre John Carpenter, diretor do clássico slasher Halloween (1978). O diretor mostra sua capacidade admirável em criar uma história que prende a atenção de todos. Kristen (Amber Heard), uma linda e perturbada jovem, é encontrada na frente de uma casa em chamas, com hematomas e cortes espalhados pelo corpo. Ela é imediatamente enviada para um hospital psiquiátrico, onde é medicada e isolada em uma ala especial. Desorientada, sem memória e sem saber o porquê foi trazida ao hospital, Kristen se agarra na única certeza que tem; ela não está segura ali, e junto com as outras garotas do hospital, ela lutará para escapar do hospício, e descobrirá uma verdade muito mais perigosa e assustadora do que qualquer um poderia ter imaginado. Após levar muitos sustos e medo ao espectador durante todo o filme, o final surpreendente e coerente prova a qualidade da obra.

Floresta Maldita (2016)

9

Certamente é uma das melhores produções de terror do ano. Apesar de ter sido muito criticada, a obra ainda conquista o pavor do público ao explorar espíritos assustadores junto à uma narrativa estimulante. A jovem Sara (Natalie Dormer) vai em busca de sua irmã gêmea que desapareceu misteriosamente. Apesar de todos a alertarem para não ir, ela entra na floresta, repleta de horrores inexplicáveis, determinada a descobrir a verdade sobre o destino de sua irmã. O roteiro ainda acrescenta bons momentos de suspense que ajudam a criar um clima torturante.

The Nightmare (2015)

10

Para finalizar esse longo texto, trazemos um ótimo documentário de terror que vai te fazer ficar curioso com as ocorrências provocados pela famosa paralisia do sono. O documentário foca-se em oito pessoas que sofreram de paralisia do sono, um fenômeno onde as pessoas se encontram sem possibilidade de se mover temporariamente, falar, ou reagir a alguma coisa enquanto estão a adormecer ou a acordar. Ocasionalmente, esta paralisia é acompanhada de experiências psíquicas ou alucinações que têm o potencial de serem aterrorizantes para a pessoa. Com certeza você vai se interessar por essas histórias, ou até quem sabe, se identificar.